Fazer comparações é normal em qualquer aspecto de nossas vidas, e não seria diferente no mundo empresarial.  

O sonho de todo empreendedor é que o seu negócio cresça e se torne referência no mercado em que atua. 

Para isso acontecer, é importante conhecer muito bem o “terreno em que está pisando”, ou seja, o que os seus concorrentes estão fazendo.

O benchmarking consiste em tal ação, e é sobre isso que vamos falar em nosso abençoado blog de hoje.

O que é o Benchmarking?

Essa prática consiste em fazer um estudo da concorrência. Vou te dar um exemplo: é como se eu fosse estudar o que outros Freis andam pregando por aí (pena que eles não chegam aos pés do Benditinho aqui). 

Portanto, para empresas, é como se fosse realizar uma análise das ações utilizadas por negócios que são do mesmo segmento que o seu. Após fazer tal análise, obtém-se quais práticas podem ser replicadas para a sua empresa.  

Porém, para fazer um benchmarking efetivo, é necessário que você analise criticamente todos os aspectos das empresas do mesmo segmento que o seu. 

Ou seja, não tome como tudo que ela faz como certo, veja o que a sua concorrência está errando, e tente ver formas de evitar isso em seu negócio.

Além disso, nada de ctrl c + ctrl v. Evite copiar tudo igualzinho que andam fazendo por aí. É aquela máxima que aprendemos na escola: “posso copiar seu trabalho?” “Pode, só não faz igual”.

Como fazer um Benchmarking efetivo:

1 – Pesquisa de Campo:

Antes de tudo, é necessário que você estude a sua própria empresa e analise o que precisa ser melhorado. 

Após isso, defina o objetivo do seu benchmarking: ele pode ser aumentar as suas vendas, ganhar autoridade, ter mais cliques no seu e-mail marketing e etc. 

Agora entra a pesquisa de campo efetivamente, que pode ser feita através de entrevistas, ou estudos em artigos, blogs e publicações. 

2 –  Ida a Eventos

O networking é essencial para quem busca crescer no mercado. Uma forma de fazer isso é ir em eventos, pois você encontrará palestras que terão as novas tendências do seu segmento. 

Além disso, é possível encontrar fornecedores que te ajudarão com soluções para a sua empresa. 

3 – Busque mentorias 

Através de mentorias com pessoas que já passaram por situações semelhantes às suas, é possível se inspirar em como conseguiram superar tais questões. 

Assim, além de ter uma experiência e perspectiva, você saberá quais os próximos passos a serem tomados para obter sucesso. 

4 – Fale com o seu cliente:

Fazer uma pesquisa de opinião com seus consumidores a fim de saber o que eles pensam é essencial para desenvolver seu negócio. 

Dessa forma, você consegue obter quais pontos devem ser melhorados e o que está dando certo ou errado para eles. 

Com um benchmarking efetivo, você consegue identificar as tendências do mercado, analisa referências do que os concorrentes estão fazendo e aprimora seus processos e práticas para continuar em constante evolução. 

Gostou desse conteúdo? Siga a Bendita Mídia nas Redes Sociais. 

Aqui, com a gente, você encontra campanhas de anúncios de performance, que levam o seu negócio a ser uma potência de vendas online. Conheça mais sobre quem somos!